Blog não precisa ser em WordPress

Blog não precisa ser em WordPress

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

Todos os especialistas em Web Marketing afirmam que para se obter sucesso atualmente na internet as empresas ou profissionais precisam de um Blog. Precisam criar conteúdo relevante, que cative seu público-alvo, que conquiste a confiança de seus leitores (possíveis clientes) e que as vendas acabam sendo uma consequência de várias ações. Neste artigo não entrarei no mérito do Marketing de Conteúdo, mas sim, da ferramenta utilizada para administração deste conteúdo.

O WordPress se popularizou de forma rápida, talvez pela sua simplicidade de se publicar um conteúdo, alguns dizem que é pela facilidade de instalação, outros pelo grande número de plugins e alguns ainda pela facilidade de customização.

Em minhas experiências, apenas constatei a quantidade enorme de plugins gratuitos como ganho relevante, o restante, não me convenceu.

Que o Wordpress é uma excelente ferramenta para se criar um blog, isso é inquestionável. A ferramenta foi desenvolvida para esta finalidade, então obter este resultado é no mínimo o esperado. Utilizá-la para outras finalidades é falta de conhecimento técnico e profissional, afinal cada CMS foi originalmente criado para solucionar um problema. É como comprar um trator e querer usá-lo para ir ao supermercado, levar os filhos à escola ou ir ao trabalho no centro da cidade. Dá para fazer? Sim, mas não é o ideal.

Por falar em CMS, você sabe o que seria isso?

CMS significa Custom Management System ou Sistema de Gerenciamento de Conteúdo. Nada mais é que um sistema desenvolvido em uma linguagem de programação que agiliza, facilita e administra o conteúdo de um site, onde você, como usuário, pode adicionar, editar ou excluir conteúdos sem a necessidade de um profissional. Cada CMS foi desenvolvido para solucionar algum tipo de problema, mas todos podem ser alterados para realizar outras funções, o que normalmente não é o ideal. Existem dezenas de CMS no mercado, desde os focados para Lojas Virtuais até para Cursos Online.

Entenda o CMS como um carro, que vem de fábrica com determinados opcionais. Os opcionais que acompanham um Fusca são totalmente diferentes de uma caminhonete. Você consegue utilizar os dois veículos na cidade, mas muitos não sabem fazer a manutenção de uma caminhonete, então dizem que a melhor solução é o Fusca. Ao verificarem suas reais necessidades, verificam que precisam carregar ração de cavalo todo final de semana, então adicionam uma “linda” carreta ao Fusca para realizar a função.

A carreta atrás do Fusca são os plugins, componentes ou módulos adicionados aos CMS para fazer o que não foi projetado, ou pior, tentar fazer melhor o que foi projetado.

Você sabe qual a diferença entre o conteúdo de seu site e do seu blog em relações técnicas?

Nenhuma! O que diferencia os textos institucionais de seu site e de seu blog é o formato, o layout, que é apresentado para o visitante. Nos blogs, normalmente, apresentamos os textos publicados um abaixo do outro, já os textos institucionais acabam ficando em páginas isoladas. Para os dois, devemos nos preocupar em otimização para mecanismos de busca (SEO), conter botões para compartilhamento nas redes sociais e organizá-los em categorias ou tags.

Com qualquer CMS é possível criar um blog, não é mérito apenas do WordPress. Este blog, no qual você lê este artigo, é administrado pelo Joomla!, existem dezenas de outros em Drupal e tantos outros por Frameworks desenvolvidos por pequenas empresas espalhadas pelo mundo.

Não é difícil vermos blogs em Joomla! ou Drupal onde outros desenvolvedores web poderiam assegurar que foram desenvolvidos em WordPress simplesmente pelo Layout apresentado. Conhecimento técnico, conhecimento do CMS e profissionalismo fazem a diferença.

O sucesso de um blog está no conteúdo disponível, na aplicação correta de Marketing e não no CMS utilizado.

O segredo está em saber escolher a ferramente ideal para solucionar o problema. Saber usar o CMS escolhido, conhecer seus benefícios e principalmente suas limitações.

Se você vai carregar ração de cavalo, compre uma caminhonete e não um Fusca.

fusca truck

Douglas Damame
Autor: Douglas Damame
Web Designer e programador desde 2001, quando os sites eram criados com tabelas e imagens recortadas, Paulista, de Campinas, residente no Rio de Janeiro, estudioso de Web Marketing com foco em usabilidade e conversão, amante de Joomla! desde 2009.

U2Net Internet Solutions

Atuando desde 2001 na área de Web Design, temos como foco oferecer soluções, unindo a criatividade e o design, com a funcionalidade e usabilidade, para obtermos os melhores resultados para os nossos clientes.

Estamos localizados no Rio de Janeiro – RJ, mas atendemos empresas e profissionais de todo o Brasil.

Redes Sociais